sábado, 30 de janeiro de 2010

Crimes virtuais vêm ocorrendo na cidade de Itapeva

Nesta última segunda-feira (25) foi registrada no 1° Distrito Policial uma ocorrência de estelionato, na qual a vítima teve subtraído de sua conta bancaria a importância de R$ 2.300, quantia esta transferida para uma conta na cidade de Belo Horizonte (MG), via Internet.
 
Tudo leva a crer ser essa mais uma ação supostamente realizada por Hackers, tendo em vista que a vítima utiliza constantemente de serviços bancários via Internet, e que golpes parecidos já ocorreram na cidade no ano passado. Até o momento, este é o primeiro caso de crime virtual registrado em Itapeva no ano de 2010.
Nossa equipe de reportagem esteve em contato com o delegado titular da Delegacia de Investigações Gerais (DIG), Dr. Marcelo Bruder Santini, o qual informou que este tipo de golpe realmente vem ocorrendo em nosso município, e que são feitas constantes investigações que necessitam certo tempo para chegar ao verdadeiro culpado, “pois o golpe foi criado já com a intenção de prejudicar e dificultar as investigações policiais”.

Na oportunidade, Dr. Marcelo deu algumas dicas para se evitar cair neste tipo de crime:
  • Atenção ao tipo de comunicação recebida pela internet;
  •  Para evitar deixar senhas ou outros dados expostos, minha recomendação é que sempre se saia de um programa ou site usando “sair” ou link equivalente, o mesmso valendo para que acessa webmail, contas em sites de comércio eletrônico, home banking ou qualquer outro serviço que exija nome de usuário e senha. Pode parecer óbvio, mas muita gente simplesmente sai do site fechando a janela do navegador de internet ou entrando em outro endereço. Isso é arriscado porque o site não recebeu a instrução de encerrar seu acesso naquele momento e alguém mal-intencionado pode abrir o navegador de internet e acessar as informações de sua conta, caso esta realmente não tenha sido fechada devidamente;
  • Outro ponto importante é a criação de senhas difíceis de serem descobertas. Nomes de parentes, datas de aniversário, placas de carro e afins são iscas fáceis para os mal-intencionados de plantão. Sempre prefira as seqüências que misturam letras e números. E mais: não guarde suas senhas em arquivos do Word ou de qualquer outro programa. Um arquivo Excel com nome "senhas" é um prato cheio para os invasores;
  • Os downloads, sites de compartilhamento de conteúdo (vídeo, música etc.) devem ser utilizados com moderação e atenção. Arquivos baixados que tenham mais de uma extensão (por exemplo, aerosmith.mp3.exe), podem estar infectados se possuírem tamanhos reduzidos ou se as informações parecerem suspeitas. Muitos vírus se propagam por arquivos compartilhados. Além disso, sempre examine o download com um antivírus;
  • Programas ou sites que exigem a instalação de softwares devem ser olhados com cautela. Na internet, assim como em qualquer outro meio, não existem serviços milagrosos que triplicam a performance ou que resolvem todos os problemas. Muitos desses arquivos executáveis visam descobrir senhas e informações dos internautas mais desatentos;
  • Os comunicadores instantâneos, como MSN, Google Talk, AIM, ICQ, entre outros, podem ser fontes de propagação de vírus ou de programas-espiões (spywares). Certifique-se e confirme de que os links foram realmente enviados pelos usuários com os quais você mantém contato;
  • Os e-mails falsos merecem uma atenção especial. Como se utilizam de nomes de empresas conhecidas para tentar enganar internautas, estes são fontes de preocupação para muitos. Caso tenha recebido um e-mail dizendo que você tem uma dívida com uma empresa, ou afirmando que um de seus documentos está em situação ilegal, ou ainda a mensagem lhe oferece prêmios ou cartões virtuais, confirme se não se trata de um spam, ou seja, e-mail falso;
  • Se a mensagem tiver textos com erros ortográficos e gramaticais, fizer ofertas tentadoras ou tem um link diferente do indicado (para verificar o link verdadeiro, basta passar o mouse por cima dele sem clicar), desconfie imediatamente. Na dúvida, entre em contato com a empresa cujo nome foi envolvido no e-mail;
  • Evitar sites de conteúdo duvidoso também ajuda na segurança do seu computador pessoal. Muitos sites exploram falhas do navegador da internet por conterem scripts capazes de identificá-las.
  • Recebemos e-mails diariamente e em grande quantidade. Mesmo assim, é importante avaliar os anexos recebidos. Essa é uma das instruções mais antigas. Mesmo assim, o e-mail é um das principais formas de disseminação de vírus. Tome cuidado ao receber mensagens que pedem para abrir o arquivo anexo, principalmente se o e-mail veio de alguém que você não conhece.
  • Cadastros na web são itens que podem acarretar em muito spam em sua caixa de e-mail. Antes de se cadastrar em sites, faça uma pesquisa na internet para verificar se aquele endereço é idôneo. Essa dica é válida principalmente para sites que cadastram currículos.
  • Por fim, toda exposição em redes de relacionamento pode dar detalhes sobre sua vida pessoal, que podem ser utilizadas por criminosos. Lembre-se de que as "ciladas" do mundo virtual podem ser evitadas se o usuário estiver atento, porém, o bom senso deve predominar e se sobrepor a qualquer dica de segurança.
Matéria publicada no Jornal A Gazeta Notícias, dia 28 de janeiro de 2010.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts with Thumbnails