quinta-feira, 8 de outubro de 2009

Assistência Remota

As vezes, o computador trava, começa a ficar lento, e torna-se difícil trabalhar com ele, isso se tornou até uma rotina para aqueles que utilizam o Windows.

Nessas ocasiões, para a grande maioria existem dois caminhos. Senta e chora, ou tenta contatar algum técnico em informática, ou aquele amigo que entende de PC.

Muitas vezes, a primeira possibilidade é nula, pois a urgência em determinados trabalhos requer um computador ali, naquele momento, e a segunda torna-se complicada, pois o técnico/amigo nem sempre está disponível de imediato.

Nesses momentos, existe uma terceira opção, à qual muitos desconhecem:

Assistência remota é um recurso que permite a um usuário ter acesso a outro computador. Ou seja, um usuário, através da internet, pode ter acesso a um computador em qualquer lugar do mundo.

Explicando melhor: imagina que aquele seu amigo ou o técnico que sempre arruma teu computador está ocupado em sua casa, ou está viajando, por exemplo. Com a assistência remota ele pode, da casa dele, através de uma senha ter acesso completo a seu computador, e ver, na tela dele, o que está ocorrendo aí, ter o controle do teu computador e resolver o teu problema a distância.

Não podemos confundir o recurso de Assistência Remota com trojan. Quando se fala em Assistência Remota, existe sempre o consentimento da pessoa. Mesmo assim, embora exista o recurso no próprio Windows XP ou Vista, é recomendável utilizar um software mais seguro, como por exemplo o TeamViewer (grátis).

Utilizando-se do TeamViewer, você recebe um login e senha quando inicia o programa.

As utilidades são inúmeras, eu, por exemplo, já ajudei a corrigir um problema no msn de uma pessoa, pude configurar o blog de outra, certo dia esqueci um texto em casa, e estava no prazo de enviar para o jornal, de outro lugar pude acessar o computador de casa e pegar o arquivo a tempo.

Único ponto negativo que vi até hoje, na utilização da Assistência Remota, está na desinformação dos usuários; a grande maioria tem medo de usar.

Quanto ao programa em si, não há o que temer: os dados são criptografados, sigilosos e seguros (ou seja, nenhuma outra pessoa poderá ver o que está acontecendo), o software (TeamViewer) recebeu recentemente o selo de qualidade com cinco estrelas pela Associação Federal dos Apreciadores e Peritos da Tecnologia de Informática, e também foi aprovado pelo ISO 9001:2000.

Quanto ao uso, embora seja uma dica óbvia, não custa dizer: “Não passe a senha para qualquer pessoa, deixe somente que pessoas de extrema confiança possam ter acesso ao seu computador”.

Outra dica importante é que você fique na frente vendo o que ele está a fazer (você poderá ver todos os movimentos do mouse e o que é digitado com o teclado), caso algo fuja de controle, e a pessoa queira ver aquilo que não deveria (tua pasta de fotos, por exemplo), você pode encerrar a conexão remota apenas com um clique.

Agora que conhecemos a terceira opção, quando seu computador “der pau”, você poderá usá-la quando a primeira e a segunda estiverem fora de cogitação, basta apenas achar alguém confiável, com boa vontade e disposição em ajudar.

Everton do N. Siqueira

Artigo publicado no Jornal A Gazeta Notícias, em 08 de outubro de 2009.

Um comentário:

  1. ADOREI o seu comentario em meu blog,
    bah, ja ia escrevendo fotolog, como faz tempo que nao tenho um. Escrever é melhor que tirar foto.

    ResponderExcluir

Related Posts with Thumbnails